Semam coordena, no Nordeste, projeto para implantar rede de sementes de árvores ameaçadas

Projeto visa criar uma rede de intercâmbio de sementes de árvores de espécies ameaçadas

A Secretaria de Meio Ambiente (Semam) da Prefeitura Municipal de João Pessoa (PMJP) está coordenando, na região Nordeste, o projeto “Bandeira Verde, Capitais pela Biodiversidade”. O Projeto Bandeira Verde propõe a criação de uma rede de intercâmbio de sementes de árvores de espécies ameaçadas, com o objetivo de garantir a conservação da flora brasileira, ameaçada de extinção e seu uso sustentável.

O Projeto está sendo lançado pelo Fórum CB27, que reúne os secretários de Meio Ambiente das capitais brasileiras e do Distrito Federal, que tem um histórico de sucesso no compartilhamento de experiências sustentáveis. As coordenações regionais do CB27 estão responsáveis por identificar as espécies ameaçadas de extinção locais, levantar as matrizes dessas espécies, criar protocolos para acondicionamento das sementes, viabilizar a produção de mudas e criar uma base sobre matrizes e sementes que possa ser disponibilizada e utilizada pela população.

A Semam publicou uma portaria, no Semanário Oficial da PMJP, criando o Grupo de Trabalho que está executando as atividades do Projeto Bandeira Verde. A equipe é coordenada por Carolina Cigerza de Camargo, assessora do Gabinete da Semam, bacharel e licenciada em Ciências Biológicas, e conta ainda com servidores do Viveiro Municipal de Plantas Nativas, servidores da Divisão de Arborização e Reflorestamento (Divar) , Diretoria de Controle Ambiental (DCA) e Divisão de Estudos e Pesquisas (Diep) da Semam.

O secretário de Meio Ambiente, Abelardo Jurema Neto, que é também coordenador da Regional Nordeste do Fórum CB27, destacou que essa é uma ação, da política ambiental da gestão, que tem o objetivo preservar e recuperar nosso patrimônio ambiental. “Temos atuado de maneira muito clara nesse sentido e ficamos muito felizes por João Pessoa representar a região Nordeste nessa ação do Fórum CB27”, concluiu.