Santuário da Pedra da Boca cancela Romaria; missa tem transmissão pelas redes sociais

Orientação partiu do Bispo de Guarabira, Dom Aldemiro Sena

A Romaria da Fé que acontece todos os anos no Santuário Nossa Senhora de Fátima, na Pedra da Boca, em Araruna, no dia 13 de maio, foi cancelada. No entanto, a missa vai ser celebrada, às 9h, com portão fechado, e transmitida pelas redes sociais. A decisão foi anunciada pelo padre Gaspar Rafael Nunes da Costa, Reitor do Santuário, atendendo orientação do Bispo de Guarabira, Dom Aldemiro Sena, seguindo recomendações das autoridades quanto aos cuidados para evitar a propagação da Covid-19.

Para lembrar os dez anos da inauguração do Santuário, que seria na próxima quarta-feira (13), uma nova data será anunciada para quando tudo voltar à normalidade. “O mais provável é que nossa tradicional romaria, que reúne milhares de peregrinos de várias cidades e de estados vizinhos, aconteça em dezembro, provavelmente abrindo o período de Advento”, afirmou Padre Gaspar Rafael.  

O Santuário fica localizado no Parque Estadual Pedra da Boca, criado pelo Governo do Estado, mas administrado em parceria com a Igreja e colaboração da prefeitura municipal. Desde quando foi criado, tem se constituído em um local de visitação pública, com a presença de turistas e romeiros de vários Estados.

A presidente da PBTur, Ruth Avelino, disse o Parque Estadual Pedra da Boca e os eventos ali realizados são divulgados como destino turístico, e que a Romaria se enquadra no Turismo Religioso. “Creio que foi prudente o adiamento da Romaria para dezembro e a PBTur vai se empenhar para que fiéis da Paraíba, Rio Grande do Norte e outros estados estejam presentes”, comentou.

O gerente de Turismo de Araruna, Wellington Rafael considerou correta a decisão de não realizar neste momento as festividades religiosas de turísticas na Padra da Boca, até que passe esse período turbulento.